Eu fiz uma enquete no meu Twitter para saber de qual anime eu deveria fazer impressões semanais, e Violet Evergarden ganhou lindamente.

Captura de Tela (1042).png
Agora eu sou oficialmente a 8317ª pessoa a fazer impressões semanais de Violet Evergarden

 

Eu nem preciso falar da animação que esta sensacional, certo?

Na verdade, eu não gostei tanto do primeiro episódio quanto a maioria, não que eu tenha achado um lixo ou algo assim, longe disso, mas também eu gostei mais de estreias como a de Darling in the FranXX ou  a de Koi wa Ameagari no You ni que me mostraram mais coisas que me deem vontade de assistir até o final ou até ficar um lixo (por favor que não aconteça isso).

Eu sei que o primeiro episódio tentou te emocionar e fazer chorar rios de lágrimas mas comigo não deu certo, talvez porque eu não me emocione fácil, então me emocionar no primeiro episódio é praticamente uma luta perdida. Eu prefiro animes que primeiro te apresentem os personagem e te façam simpatizar com eles e mais para a metade (se for de 12 ou 13 episódios) que tentem te fazer entrar em depressão profunda e cortar os pulsos.

De qualquer forma eu gostei do final dela falando que queria saber o significado de “eu te amo” querendo algo por conta própria e do Claudia (esse nome é maravilindo para um homem) falando que ela estava cheia de queimaduras e que um dia ia perceber.

Captura de Tela (1043).png
Agora chora

Agora do segundo episódio (transição 10/10) eu acabei gostando mais dele. A Violet decidi-o que quer ser uma boneca de memórias automatizada, ela fala que vai conseguir cumprir o seu trabalho (o dever do trabalhador) até que vem a escrota que pega birra dela sem motivo nenhum além do fato dela querer cumprir o dever do trabalhador, o que é o correto mas pelo visto ela não acha isso.

Captura de Tela (1053)
Escrota

A outra garota (Erica) também pega birra dela sem motivo, mas acaba que eles desenvolvem ela e mostram que ela é humana e tem seus conflitos e vai parar de pagar no pé da Violet (apesar que continua o mistério o porque da birra inicial). Espero que também desenvolvam a escrota (o nome dela é Iris mas por enquanto a chamarei de escrota) e a humanizem e não a deixem só como a garota que tem birrinha da Violet sem motivo nenhum além dela querer cumprir o seu trabalho o que até onde eu sei é o correto.

Nesse segundo episódio eles mostram um pouco mais do passado da Violet (eles mostraram no primeiro episódio também) e pelo visto ela foi encontrada na fronteira do nordeste e a trataram como uma mera arma até que deram ela de presente para o seu amado major e ela teve que lutar na guerra e acabou perdendo os dois braços (foi isso que eu entendi).

Captura de Tela (1056).png
Melhor personagem até agora junto com a Cattleya

Vamos para o terceiro episódio e foi o que eu mais gostei. A Violet vai para um curso de formar boas bonecas, e lá ela conhece a Luculia que tem um irmão que foi para guerra e quando os pais morrem ele se sente culpado e vira um alcoólatra. Eu gostei da história de vida dela e mostra um pouco mais de como a guerra afetou as pessoas além da Violet que tirando ela todo mundo parecia bem demais para uma guerra que acabou a apenas 4 anos.

Acabou que a Violet fez uma carta para o irmão da Luculia de umas 2 ou 3 linhas, o que foi o suficiente para unir aqueles irmãos de novo. Eu gostei que ela fez uma carta bem pequena porque seria idiota da parte do diretor (esse episódio e original) se tratando do emocional que ela tem agora fazer uma carta imensa e bem feita, e também mostrou que ela esta evoluindo, mesmo que pouco. Apesar que foi bem exagerado ela conseguir passar na escola para bonecas com aquela carta minuscula que ela fez.

Foi engraçado ver a Cattleya e o Benedict brigando, mesmo eles sendo os personagens que eu to mais gostando.

Captura de Tela (1064)
Ótimas tretas

Espero que tenham gostado do post, eu ia postar ontem mas acabou que eu comecei vomitar até não dar mais e não consegui escrever e acabou que nesse meio tempo lançou o episódio 4 que eu farei impressões e de todos os outros que lançarem.

 

Anúncios